Enfim Descansando (Slepping At Last)

Publicado  19/07/2020 

Conheci a banda Slepping At Last em 2016. Ouvi uma música deles chamada “Saturn” e de imediato ela me fez lembrar do meu pai, que havia falecido de câncer um ano atrás.

 

A música me carregou de volta para última noite em que estive com ele no hospital. Neste dia, quis me despedir com uma carta, mas quando comecei a ler, percebi em seus olhos um enorme medo de morrer.

 

Então, decidi interromper a leitura e apenas ficar ao seu lado – em silêncio – enquanto ele falava coisas sem sentido, por conta dos analgésicos.

 

Sua respiração rasteira, fragmentada… Foi a maior lição de humanidade da minha vida.

 

Ele estava, enfim, descansando.

 

Ao som de “Saturn”, escrevi essa poesia:

 

 

Para mim, é uma poesia sobre humildade.

 

Sobre a importância de aceitar nossa condição humana para que possamos realmente habitar o momento presente.

 

Essa foi a primeira de muitas experiências de autoconhecimento que as músicas de Slepping At Last me proporcionaram.

 

No ano seguinte, uma outra música deles chamada North me ajudou a superar o fim do meu casamento e a curar muitas feridas do passado.

 

Contei essa história no vídeo abaixo e, ao final, fiz uma dedicatória especial à banda e ao meu pai:

 

 
As músicas de Slepping At Last estão presentes em todos os encontros do Programa Conexão e são um fonte de amorosidade para o meu trabalho.

Por Ygor Sarkis Terapeuta com certificação Internacional em Gerenciamento de Stress pela Portland State University (PSU - EUA) e International Stress Management Association Brasil (ISMA - BR). Cientista Social, graduado pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), em formação em Mindfulness aplicado à Saúde pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP / MENTE ABERTA) e Arteterapia pela Traços, instituição de ensino filiada à União Brasileira de Associações de Arteterapia (UBAAT). Pós-graduando em Psicologia Clínica Analítica (IDE). [Saiba mais]